Blog

Se a doença não é Covid-19, então o que é?

O CEDLAB Laboratórios adquiriu um novo exame que é muito preciso ao detectar o tipo de vírus que o paciente contraiu e isso é crucial para o diagnóstico da doença a ser combatida.

Esse teste consegue diferenciar claramente as substâncias responsáveis pelas gripes que mais causaram problemas nos últimos anos:  a Covid, a Influenza A e a Influência B.

Você sabia que o SARS-CoV-2 e o vírus da Influenza são tão parecidos que o paciente acaba tendo praticamente os mesmos sintomas? Desse jeito, fica difícil até para o médico acertar.

Os dois podem causar doença respiratória e a manifestação deles varia entre assintomática, leve, grave e até chegar à morte.

Veja no quadro abaixo a comparação dos sintomas.

 COVID 19GRIPE (INFLUENZA)
FebreFrequenteFrequente
CansaçoOcasionalFrequente
TosseFrequenteFrequente
Falta de arOcasionalRaro
Dor no corpoOcasionalFrequente
EspirrosRaroRaro
CorizaRaroFrequente
Dor de gargantaOcasionalOcasional
DiarreiaRaroRaro
Dor de cabeçaOcasionalFrequente


Com essa novidade, foi realizada no mesmo exame a análise qualitativa da amostra contendo as substâncias responsáveis pela SARS-CoV-2, Influenza A e também a Influenza B.

Acompanhe os resultados de sensibilidade e de especificidade.

SARS-CoV-2
Sensibilidade: 91,7%
Especificidade: 96,7%

Influenza A
Sensibilidade: 97,44%
Especificidade: >99,9%

Influenza B
Sensibilidade: 90,63%
Especificidade: 98,92%

Com precisão de tão alto nível, dá para ter certeza de qual vírus precisa ser eliminado do organismo.

A chegada desse exame é a prova do quanto a tecnologia de diagnósticos ajuda cada vez mais as pessoas a descobrirem não apenas que doença têm, mas principalmente a se cuidarem da melhor forma possível.

E o CEDLAB Laboratórios está com você nessa busca pelo diagnóstico mais preciso.
 

Inscreva-se e receba nossas novidades!